Oportunidade

10 de nov de 2010

"A vida é a arte do encontro, embora haja tanto desencontro pela vida"

Ela tinha planos e sonhos, ele faria tudo para realizá-los.
Ela esperava uma amor tranquilo de contos de fadas, ele a amava.

Mas como toda historia de amor tem seus desencontros, o final não acaba ai.

A distancia, não era capaz de separar esses corações. Isso tornava o cenário ainda mais dramático. Mas eles queriam escrever um romance.

Ainda que ambos estivessem dispostos a seguir caminhos opostos, seus corações estariam sempre ligados. Ligados nas palavras sempre ditas nos blogs, nos recados, emails que não seriam nunca deletados. Porque as vezes nos acostumamos a receber o mínimo. O mínimo de afeto, o mínimo de amor possível. E talvez aqueles e-mails, recados, e posts fossem o suficiente para eles continuarem guardando aquele amor. As lembrança, as promessas não cumpridas, estariam todas por ali, ao alcance dos olhos.

Talvez ela chorasse todas as noites, e ele visitasse o blog dela regularmente...Mas estariam sempre próximos.
Seus pensamentos e sentimentos visitariam um ao outro diariamente.

Agora mesmo eles gostariam de estar juntos. Mas ele deu rumo diferente para historia. Ela não entendeu que ainda que seus atos sejam legítimos, eles tem consequências.

A vida não é uma rua de via única. Ela tem atalhos, retornos, rotatorias.

" A vida é a arte do encontro, embora haja tanto desencontro pela vida" Vinicius de Moraes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por participar!