Oportunidade

20 de set de 2010

Éka, um Bicho na Goiaba!

Hoje eu estou feliz. Eu achei um bicho na goiaba.A muito eu pensava que os probres minhocos estivessem extintos.O inusitado não estava em encontrar uma larva nojenta na minha fruta preferida. Com tantos toxicos, achei que o pobre bichinho não tivesse suportado tamanha agressão a natureza.


E me desculpem os experts no assunto, minhoca, larva, bigato, é tudo a mesma coisa para quem tem intimidade com o bicho da goiaba.


Eu nunca mais desde a minha rica infancia, havia achado sequer um bichinho nas minhas goiabas. E como sempre, o espertinho ja tinha devorado metade da goiaba antes de mim. Ele estava la, gordo e desengonçado.


E como eu poderia contar para minha filha sobre o lendário bicho da goiaba?
Como eu descreveria a surpresa espantosa de achar aquele intruso na suculenta frutinha do quintal? Ah não existe mais quintal!


São tantas lembranças da minha infância. E em algumas delas, está la, ele, o bicho da goiaba.
E hoje eu não me senti enojada por quase partir o pobre ao meio. Mas a felicidade também não era por tê-lo achado inteiro (!) e saber que nao havia comido o pobre.
Eu estava feliz em reencontrar aquele velho amigo. Por lembrar das velhas lembranças que ela trazia.


Tao feliz que mostrei para minha filha.Disse a ela: Essa ele chegou primeiro. Tem o direito a propriedade não é mesmo?! E deixei a goiaba para ele. 
E ela como eu já podia esperar disse: Éka! 


Mas eu acredito que foi o mesmo éka que eu costumava dizer dizer quando encontrava aquele  apreciador de goiabadas la na minha infancia. Um "éka" que ela vai levar para a filha dela um dia. Um "éka" que vai carregar a saudade de ter achado um bicho na goiaba.

3 comentários:

  1. Como é boa essa sensação de nostalgia...
    Bons tempos mesmo, de achar minhoca na goiaba!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  2. hahaha Obrigada. rs um viva aos bichos das goiabas

    ResponderExcluir

Obrigada por participar!